Cefalexina → Verifique a Posologia do Medicamento!

CefalexinaUm dos medicamentos mais prescritos nos últimos 10 anos foi a Cefalexina. Dos vários tipos de medicamentos que reagem aos micro-organismos que invadem e prejudicam o funcionamento do corpo humano.

Nos Estados Unidos, o medicamento em questão ficou posicionado entre os 100 mais vendidos nos últimos anos, no Canadá, ficou entre os 5 mais vendidos e na Austrália, é um dos 15 medicamentos mais vendidos.

Para Que Serve o Medicamento?

A cefalexina é um dos medicamentos que mais movimenta as farmácias por um motivo adequadamente justo: se trata de um antibiótico que reage aos micro corpos que atacam o corpo humano até que as pessoas adoeçam.

As doenças causadas por bactérias podem ser tratadas com esse medicamento, inclusive esse é o motivo que faz com que as buscas sejam tão grandes, qualquer doença como uma gripe até uma pneumonia. Mas, principalmente, infecções por bactérias, como a sinusite, otites, infecções dentárias, infecções na pele e tecidos moles. Saiba mais sobre a sinusite!

O que Diz a Bula?

A leitura da bula desse fármaco irá permitir que você compreenda a necessidade de seguir o tratamento de forma adequada e de forma contínua, uma vez que o medicamento age em períodos.

Cefalexina bula

A bula da substância alerta para a possibilidade de alergias e para a necessidade de se ingerir esse medicamento com cautela observando se há reações inesperadas. Se houver sintomas de alergia, deve-se procurar um médico imediatamente.

Posologia Completa da Cefalexina

O medicamento do qual se está falando tem em sua composição grande quantidade da substância Cefalexina, mas esse não é o ingrediente único da fórmula, embora seja o único que é de fato medicamento.

Outros ingredientes que estão na formula compõe o veículo e os excipientes que fazem com que a ingestão desse medicamento seja melhor aceita e melhor distribuída no corpo, e são essenciais para o funcionamento do medicamento.

Suspensão do Medicamento

Cefalexina suspensaoA suspensão oral desse medicamento pode ser receitada com mais facilidade para pessoas que tem algum problema digestivo ou para deglutição de sólidos, geralmente ele não é indicado nessa forma para adultos.

Também é muito receitada para crianças dos mais diversos tamanhos e das mais variadas idades, que não podem engolir comprimidos pois corre risco de afogamentos e engasgamentos.

Preço Médio Ofertado

Os preços desse medicamento são regulados e tabelados pelo controle de remédios realizado pela ANVISA, mas ainda assim podem ter variações por conta da forma como chegam a cada lugar diferente do país.

É sempre recomendável que seja feita pesquisa de mercado e pesquisa de preço para a aquisição de medicamento, afinal, eles podem ser caros. Mas em todos os casos, ainda é possível consegui-los pela farmácia popular para as pessoas que tem registro no SUS.

Condições Prévias Para o Consumo do Medicamento?

Para que o tratamento com o medicamento cefalexina não cause incômodos ou reações adversas, o paciente deve procurar saber  se possui hipersensibilidade ao medicamento. Qualquer paciente que tenha demonstrado alguma forma de alergia, particularmente as penicilinas e à cefalexina, deve receber antibióticos com

cautela, não devendo haver exceção com cefalexina.

Se ocorrer uma reação alérgica à cefalexina, suspenda o medicamento e procure o seu médico ou cirurgião-dentista que ele indicará outro tratamento. O uso prolongado com cefalexina poderá desenvolver bactérias resistentes.

Reações Adversas 

Algumas das reações que ocorrem do uso da Cefalexina sem a regulação de um médico e sem as orientações ideais e os exames prévios, podem ir de comuns a raros, entre alguns mais leves e outros mais graves. Um dos sintomas adversos mais comuns é a diarreia, também a vermelhidão da pele, urticária, inchaço idêntico à urticária.

Reações incomuns incluem a manifestação da inflamação de cólon. As reações raras podem incluir náuseas, vômitos, má digestão, dor abdominal, inflamação do fígado, coloração amarela da pele, doença da pele com bolha, reação alérgica, inflamação do rim. Reações muito raras não foram encontradas ou registradas.

Casos de Superdosagem

No caso de superdosagem, podem surgir náuseas, vômitos, dor de estômago, diarreia e sangue na urina. Se outros sintomas surgirem, é provável que sejam consequência da doença que está sendo tratada, reação alérgica ou aos efeitos tóxicos de outra medicação.

Ao tratar uma superdose, o médico deverá considerar a possibilidade de superdose de múltiplos medicamentos, interação entre medicamentos e ação incomum do medicamento no paciente. Não é necessário a descontaminação do estômago e intestino, a menos que tenha sido ingerida uma dose 5 a 10 vezes a dose normal. O médico deverá ainda proteger a passagem de ar para o paciente e manter o oxigênio e a circulação.

 

Deixe se comentário